Portugal: mendigos cortam a mão para fingir que são manetas

Autoridades portuguesas estão preocupadas com um novo golpe na praça. Depois do escândalo do aluguel de bebês usados por mendigas para provocar pena e ganhar mais esmolas, mendigos de Portugal estão cortando as próprias mãos para fingir que são manetas. A polícia portuguesa prendeu só na última semana sete falsos manetas.



“Isso é um absurdo e o abuso da boa fé das pessoas. O sujeito corta a mão e sai pelas ruas fingindo que não tem mão, só para ganhar mais”, disse o chefe de polícia de Lisboa, Antônio Soares Saldanha.

A ação da polícia não assusta os mendigos. “Já tem muita gente fingindo que está sem mão. A concorrência está demais. Eu vou cortar a perna na semana que vem e fingir que sou perneta”, disse um mendigo que pede esmolas na capital.